Como eu era antes de você

16:14:00



“Você só vive uma vez. É sua obrigação aproveitar a vida da melhor forma possível.”
Louisa Clark é uma moça de 26 anos que namora um cara que, sem dúvida, não a merece. Ainda morava com os pais, a irmã, sobrinho e avô em uma casa pequena numa cidade inglesa. Após ser desempregada ela procura um novo trabalho e encontra uma boa oportunidade com um salario satisfatório para cuidar de um deficiente físico.


Ela vai cuidar de Will Traynor um jovem de 31 anos que sofreu um acidente grave e ficou tetraplégico. Ele voltou a morar com os pais depois do acidente e fica em um anexo á casa principal. Um enfermeiro chamado Nathan cuida dele desde que ele sofreu o acidente e ajuda Lou a entender melhor o caso. 

Will se mostra frio diante da tagarelice de Lou, pois a deficiência o deixou irritado, grosseiro e mal humorado, e foi justamente por causa disso que ela foi contratada, para tentar anima-lo e lhe mostrar que apesar dos problemas a vida deve ser vivida. 



Então, eu li o livro Como Eu Era Antes de Você da autora Jojo Moyes no começo desse ano e chorei horrores (Resenha do livro aqui), mas ainda não tive a oportunidade de ler a sequência que se trata do livro Depois de Você. Eu nunca esqueço daquele fim de semana, todos da minha família haviam ido á praia e eu quis ficar sozinha em casa e aproveitei o tempo livre para ler esse livro, e só posso dizer que nunca sofri tanto com uma leitura quanto nessa. Acabou se tornando um dos meus livros favoritos por diversos motivos. 



Eu estava extremamente ansiosa esperando o filme, e quando o primeiro trailer saiu eu fiquei muito surpresa pelo fato dele ser fiel a história original, pois o que se vê nessa terra de Hollywood são filmes que descaracterizam os personagens e mudam tudo que podem não sei bem porquê, e dá uma raiva enorme em quem é fã e vê diante de si uma coisa totalmente diferente. E a escolha dos atores? Simplesmente perfeita!



Porém eu tinha certeza que esse filme não iria me decepcionar e acabou que eu estava certa. Eu o assisti legendado uma semana antes da estreia nacional, então me senti privilegiada e apaixonada por aquele sotaque inglês. Desde as roupas malucas que a Lou usa, o humor, o castelo, a meia de abelhinha, a carta, Paris, o casamento, a viagem, a família dela e dele, os diálogos seguidos ao pé da letra, os acontecimentos importantes da história com poucos cortes e reproduzidos com louvor, a personalidade de todos os personagens envolvidos sem acréscimos e pouca gente sumiu. 

Ainda estou para ver uma adaptação tão bem feita quanto essa. Valeu a espera, ás lagrimas,  os risos, a propaganda que fiz para as amigas, o dinheiro gasto com o livro e o ingresso. Se eu pudesse daria um abraço enorme em quem produziu o filme e diria um muito obrigado caloroso.     



Não consegui segurar o choro e quase cheguei a soluçar, felizmente minha amiga foi comigo e chorou também para eu não ficar com cara de boba sozinha. Além de umas meninas que estavam sentadas perto da gente que choraram muito também, e sair da sala do cinema com os olhos inchados e um aperto no coração me deixaram orgulhosa e não com vergonha, porque eu me permiti sentir aquela história, eu me envolvi com a Lou e o Will e foi doloroso, engraçado e reflexivo. 

O final foi seguido a risca e vê aquelas imagens que até então só estavam na minha mente me deixou tão perturbada, infeliz e agoniada, ao mesmo tempo que fiquei agradecida pela vida que tenho, pelas pessoas que conheci e por ter sempre uma nova chance de recomeçar.



É um filme que recomendo, quem leu o livro não irá se decepcionar, e quem não leu irá se apaixonar pela história também. 






Ficha Técnica do filme Como Eu Era Antes de Você
Título no Brasil
Como Eu Era Antes de Você

Duração
109 min

Título original
Me Before You

Estreia
16 / Junho / 2016 (Mas eu assisti no dia 09/06)

Classificação indicativa
12 anos

Idioma
Inglês (Cópias dubladas disponíveis)

Diretor
Thea Sharrock

Roteirista

Outros textos para você ler

0 comentários

Você compraria meu livro?

Postagem em destaque

Os 13 porquês que Deus te diz para você não cometer suicídio

Ás vezes parece que você está á deriva num imenso mar. Acima há apenas céu e ao redor também, não há nada para se segurar, nenhum barco...