O Cristão Ateu

18:42:00


Você é um cristão ateu? Crê em Deus, mas vive como se ele não existisse?

Eu estava de viagem em outro estado andando pelo shopping quando uma amiga foi até mim e me disse que eu precisava ir á livraria cristã que havia ali, de pronto eu corri atrás dela para irmos até lá. Eu estava indecisa sobre o que comprar, eram tantas as opções, e faltam apenas cinco minutos para eu ir embora quando me deparei com um livro de capa azul com um titulo intrigante. Eu nunca havia ouvido falar sobre ele, nem sobre seu autor, mas o peguei e paguei por ele. E sim, sou bem impulsiva a maior parte do tempo. E não, não me arrependo de tê-lo comprado, na verdade, agradeço o feliz “acaso” que me levou até ele.

Quem entrar no meu quarto vai ver minha estante amarrotada de livros que nunca li, e percebi que sempre vou acumulando mais e mais livros. O Cristão Ateu foi um desses que compro e deixo por semanas jogado ali até eu dar alguma oportunidade.

O livro começa logo de forma bem impactante, não importa se você é uma pessoa que se diz cristã desde berço, ele te faz indagar sobre a forma que você vê a Deus e a forma que você acha que é vista por Ele. E quando comecei a leitura não consegui mais largar.

O ruim desse livro, vou logo avisando, é que você pode chorar a cada frase, assim como aconteceu comigo. Um livro bem fininho que demorei mais de mês para terminar, isso porque eu chorava e ficava refletindo por vários minutos e depois relia até quatro vezes o mesmo paragrafo e sempre extraindo algo de novo dele.

Livro escrito por Craig Groeschel, pastor norte-americano, pela Editora Vida, contém 198 páginas.

A cada capitulo que eu conseguia avançar eu orava a Deus para abençoar ainda mais o Craig. O livro é muito honesto sobre questões que fingimos não ver e ele te encara nos olhos e te faz repensar toda a sua vida, você até se pergunta se está agindo da forma certa.

Nesse livro há relatos pessoais da vida de Craig, onde você dará boas rizadas e, claro, renderá profundas lágrimas. Sabe quando você lê algo e fica imaginando como era sua vida antes de pegar aquele livro? Eu estou assim, me perguntando como consegui viver de forma tão ruim enganando a mim mesma e aos outros ao me intitular a “Cristã Genuína e Não-corrompida.”

Eu com certeza sou outra pessoa graças a Deus que falou comigo através desse livro. Talvez o resto das pessoas que o leram não viram grande diferença de outros livros gospels, e o acharam um tanto chato e sem grande valor, porém eu vivia com tantas perguntas e nele encontrei muitas respostas. Mas eu orava bastante enquanto lia e nisso eu me aproximei mais de Deus, então não é atoa que Ele falou comigo sinceramente já que eu estava disposta a ouvi-Lo. E eu estava O buscando, e pude encontra-lo nessas páginas.

O livro está dividido nas seguintes questões: quando você acredita em Deus, mas não o conhece de verdade; tem vergonha do seu passado; não tem certeza de que Ele o ama; não na oração; não o considera justo; se recusa a perdoar; não se acha capaz de mudar; ainda vive o tempo todo preocupado; busca a felicidade a qualquer preço; confia mais no dinheiro; não compartilha sua fé; não na igreja Dele.

É o livro que mais recomendo, e apesar do meu ciúme com meus bebês (apelido carinhoso aos meus livros), eu decidi falar sobre ele com as pessoas próximas a mim e os incentivei a lê-lo, porque estou disposta a empresta-lo, porque quero que da mesma forma que fui tocada pelo Espirito Santo e transformada com essas palavras, quero que os outros também sejam.


Então, você é cristão porque acredita em Deus, certo? Mas vive inteiramente para Ele como pode? Ou sabe que o está negligenciando? Senão se importa com essas perguntas, você tem um grave problema, meu bem, então trate te correr para a Bíblia e a esse livro.

Escrito por: Tatielle Katluryn

Outros textos para você ler

0 comentários

Você compraria meu livro?

Postagem em destaque

Quando todos se vão Deus permanece e cuida da menina que foi deixada para trás

Ela é aquela que fica quando todos por algum motivo decidem ir embora. Ela sempre fica e se pergunta o que fez de errado para isso ac...