Fui resgatada por mãos pregadas numa cruz

14:27:00


Se eu sou um oceano de defeitos, erros, quedas e maldades, Ele é a purificação dessas águas imundas, as deixando límpidas para serem derramadas sobre o Altar onde irei adora-Lo. Posso proferir maldições contra mim e a meus semelhantes, mas se o arrependimento brotar Ele me perdoa e transforma tudo em benções.

Quem Ele é? O que representa para mim? Bem, Ele é o cumprimento de milhares de profecias. Há muitos séculos antes de seu nascimento, a sua vinda já era anunciada e esperada. Quando Ele veio cumpriu seus deveres, que foi o de ensinar, perdoar, amar e salvar, fez conosco uma Nova Aliança, onde povos distantes entraram no plano de redenção, e aquela sua nação escolhida teve uma nova chance.

Ele sofreu. Chegou até a chorar, pediu para seu sofrimento ter fim, mas Ele continuou, porque Ele acreditava nos seus propósitos. E a culpa é toda minha, não posso me orgulhar de sua morte cruel, mas me entristeço de cada passo de dor que Ele deu, porque meus pecados eram tantos que eu não poderia limpar a mim mesma, e com tanta sujeira eu não poderia entrar em sua presença, eu seria lançada para longe Dele por toda a eternidade.

Então eu precisava ser mais alva que a neve, mas como é algo espiritual, algo precisava ser sacrificado para fazer morrer meus erros e eu renascer para tentar ser boa outra vez. Entretanto, o erro não era só meu e sim de toda a humanidade que escolheu a escuridão, por isso precisávamos Dele, porque Nele não havia manchas, enquanto em nós há tantas, e Ele teve que se tornar pecado para que nós pudéssemos ser santos.

Temos que entender que o Universo acima de nós não criou a si mesmo, mas foi Feito pelas mãos que foram pregadas numa cruz. Com seus motivos, Ele resolveu nos trazer a existência, mas não nos criou para sermos fantoches, em vez disso, nos deu a liberdade de sermos o que quiséssemos, porém Ele quis nos ensinar o que deveríamos ser para o nosso bem, e quando escolhemos trilhar um caminho ruim, Ele preferiu morrer em nosso lugar, sendo que merecíamos a morte por causa dos nossos crimes, porque para o Criador foi melhor dar a si mesmo em nome da sua criação do que viver sem ela.

Ele é Jesus. Que mudou o rumo de toda a história, mesmo os seus ensinamentos e sacrifício sendo desprezados, zombados e blasfemados, Ele continua se fazendo presente em nosso meio sujo, de braços abertos para nos receber se quisermos voltar a Ele.

Eu O escolho, e essa decisão implica aceita-Lo, acreditando no que Ele disse e que ainda fala, vendo o que não pode ser visto, amando pelo simples fato de saber que Ele é amor, mesmo sendo algo que traga confusão ao mundo, eu ainda O quero, com fé e perseverança O sigo, adoro e confio. Venha você também ser enlaçado nos braços de Jesus. 


Escrito por: Tatielle Katluryn

Outros textos para você ler

0 comentários

Você compraria meu livro?

Postagem em destaque

Quando todos se vão Deus permanece e cuida da menina que foi deixada para trás

Ela é aquela que fica quando todos por algum motivo decidem ir embora. Ela sempre fica e se pergunta o que fez de errado para isso ac...